segunda-feira, dezembro 15, 2014

Matar, picar e salgar a Petrobras

Não se mira a lisura na gestão pública. Fosse isso o clamor da faxina viria associado à defesa da reforma política e do pré-sal. O alvo é outro.  Artigo de Saul Leblon

Nenhum comentário: